12 setembro, 2007

Shock and...

12 comentários:

Mike disse...

Free market... only a crisis actual or perceived produces real change... parece que este post foi feito para "shockalhar" pessoas como este teu assíduo leitor...
Brilhante peça l. e... no further comments. ;)

Once In a While disse...

eu .. se pudesse "abrir" youtube por aqui também opinava .. mas assim fico caladinha graças a .. (risos) ;)

L. Rodrigues disse...

Ah, muito me conta. Prometo então desenvolver um pouco o tema. Para não ficar às escuras até lá, trata-se de uma espécie de trailer para um livro, da jornalista Naomi Klein "The Shock Doctrine".
Basicamente a tese está sintetisada na frase citada pelo Mike. O livro demonstra a sua aplicação nos últimos 30 anos.

Once In a While disse...

grata professor .. :) i'll be waiting so ..

Once In a While disse...

É engraçado como isto funciona .. leio algo que me desperta a curiosidade (culpa da “ignorância não qualificada” ;)) e procuro e vou dar a outras coisas que igualmente me interessam .. e continuo a procurar e por aí fora .. assim haja tempo por aqui.
A frase que me indica foi dita por Milton Friedman (é obvio que não lhe estou a dar notícia nenhuma) e do que li sobre ele retive esta: gosto dela ;)

“A sociedade que coloca a igualdade à frente da liberdade irá terminar sem igualdade e liberdade. “

Mike disse...

E a que coloca a liberdade à frente da igualdade terminaria como? Dá-me a sensação que não terminaria sociedade.
l.rodrigues, tu deves saber... ;)

L. Rodrigues disse...

É uma falsa dicotomia, para mim.

Eu diria "a sociedade que coloca liberdade à frente da dignidade, termina sem liberdade nem dignidade".

E disso vamos tendo bastos exemplos.

Once In a While disse...

agora vou ter de ir à procura do termo dicotomia .. ! ;)

mas .. leiga que sou atrevo-me .. e serão livres todos os que são dignos?

L. Rodrigues disse...

A igualdade que é defendida pelas pessoas de bem não é a igualdade cega e robótica dos clones do Império, mas sim a igualdade de direitos e oportunidades, o Véu de Ignorância de Rawls.

A igualdade é apenas um mecanismo de regulação. Uma forma de garantir que os mais desafortunados no berço não o sejam forçosamente na vala comum.

Eu não entendo a dignidade sem vastas doses de liberdade, refreadas por responsabilidade.

Se a liberdade for absoluta podemos causar indignidades aos outros sem remorso porque estamos a fazer a unica coisa que Friedman considera moralmente válido: cuidar de nós mesmos.
POis ele acreditava (dando-lhe o beneficio de não o considerar um cínico) que o bem comum vinha do egoismo absoluto. "Se cada um cuidar de si, todos ficamos melhor."

Once In a While disse...

ou seja .. não entra no conceito a palavra solidariedade .. !
Vasto o tema e com argumentação para mangas compridas ..

Gostei de ler e aprendi L. Rodrigues .. como sempre.

L. Rodrigues disse...

A solidariedade não será uma expressão da nossa responsabilidade?

(Eu escrevo para aprender, não para ensinar...)

Once In a While disse...

acredito que sim .. (tardia a resposta mas posso justificar ;) .. e quanto mais livres mais responsáveis .. também acredito.

a minha vó costumava dizer que na vida aprendia sempre que tinha de "ensinar" algo .. :)