28 julho, 2008

Hoje, 28 de julho, é dia neste blogue da poesia e este um post em 3 partes

Um amigo meu, que talvez queira permanecer anónimo(?) sugeriu que publicasse este poema:

having the flu and
with nothing else to do

I read a book about John Dos Passos and according to
the book once radical-communist
John ended up in the Hollywood Hills living off investments
and reading the
Wall Street Journal
this seems to happen all too often.
what hardly ever happens is
a man going from being a young conservative to becoming an
old wild-ass radical

however:
young conservatives always seem to become old
conservatives.
it's a kind of lifelong mental vapor-lock.

but when a young radical ends up an
old radical
the critics
and the conservatives
treat him as if he escaped from a mental
institution.

such is our politics
and you can have it all.
keep it.

sail it up your
ass.

Charles Bukowski


Agora, não sei exactamente porque me foi sugerido o texto, que de resto honra muito este blog.
Acho que nunca fui um radical. Já não sou novo, mas ainda não estou velho.
Se calhar, estou no tal asilo, já fora das paredes, mas ainda dentro dos muros...

Entretanto, também fiquei a conhecer Saul Williams,



E Charlie Christian



Para um dia apenas, não está nada mal.

4 comentários:

João Villalobos disse...

Simplifica, pá! Eu só te enviei isso porque costumas constipar-te muitas vezes :)

L. Rodrigues disse...

Boa... como tenho andado melhor das rinites, isso nem me ocorreu. Obrigado de qualquer modo.

mike disse...

Nada mal, L. :)
Ah, e por mim podes constipar-te mais vezes. ;)

Praládeboaegira disse...

- Perfect! (expandiu-se num écran)
- Just Perfect! Santinha! (escreveu-se no outro!)
Já se constiparam...